aguas guariroba

Por vaidade da direita, PL racha em Campo Grande

Pesquisa anunciada hoje demonstra que "Onda Bolsonaro" pode não emplacar esse ano na capital

Por Redação em 10/07/2024 às 08:47:48

Por razões unitárias, os lideres políticos da direita no estado não conseguem unir-se para fazer parte do pleito municipal na capital do estado.

Em 2022 com a campanha ao Governo do Estado, o Capital contar(PRTB), obteve 43,10% (612.113), do total de votos no estado, o Deputado Federal Marcos Pollon(PL) obteve 7,33% (103.111) dos votos, o Deputado Federal Rodolfo Nogueira(PL) obteve 2,97% (41.773) dos votos.

Com esta expressividade de votos, a partir desta data a direita poderia ter começado a traçar o rumo que a direita poderia tomar em dois anos, se preparando para as eleições 2024, unindo o grupo de lideranças politicas e também da bancada, para indicar seu representante ao cargo de Prefeito da capital.

Acontece que, de lá para cá, nada aconteceu, nenhum movimento forte entre os chamados bolsonaristas reagiu, impulsionando assim um nome que pudesse ser indicado, talvez por falta de recursos, talvez por força de união mesmo, mas é fato que nesta campanha poderá não haver candidato nem da direita e nem extrema direita.

Caso os chamados "onda Bolsonaro", tivessem feito isso, o cenário hoje seria outro, permitindo até mesmo um possível acordo entre Bolsonaro e a Senadora Tereza Cristina em apoiar, ou fazer parte do projeto da direita indicando até mesmo o vice ao Partido Progressista, o que também aumentaria as negociações para apoiar Bolsonaro nas eleições 2026.

A polarização é tão grande que, os três maiores nomes nas pesquisas veiculadas hoje, estão em concorrências diretas

A briga vai ser intensa, um homem no meio de duas mulheres, aliás, contra três mulheres.

Os quatros Pré-candidatos somam um total de 73,50% nas pesquisas de intenções de votos na estimulada, realizadas pelo Instituto Ranking de Pesquisas.

Rose Modesto(União Brasil) está com 31,50%

Beto Pereira(PSDB) está com 20,00%

Adriane Lopes(PP) está com 17,00%

Camila Jara(PT) está com 5,00%

Caso realmente o Anunciado tardio do Deputado Federal Marcos Pollon(PL) para concorrer ao pleito deste ano seja verdadeira, o partido terá uma luta intensa para fazer alianças com outros partidos de direita antes das convenções partidárias que irão começar dia 20 de julho até 5 de agosto.

Marcos Pollon(PL) está com 3,50% nas pesquisas.

A Pré-candidata Rose Modesto, que sem fazer força e quietinha, é a pessoa que mais levou vantagem com o rodeio de entra e sai das pré-candidaturas, primeiro com a saída do Ex-Governador André Puccinelli da concorrência, já que André estava liderando as pesquisas, depois com a jogada de mestre do Ex-governador Reinaldo e do Governador Riedel, tirando o PL das mãos de Adriane e Tereza Cristina, garantindo assim, segundo as pesquisas, a vaga ao segundo turno, resta saber, se caso isso aconteça, é, para que lado irão os partidos perdedores.

Com essa situação também sugere que Beto Pereira realmente seja obrigado a indicar uma vice-prefeita mulher para equilibrar o peso na briga.

Na atual conjuntura, até mesmo as cadeiras da Câmara podem alterar, caso aconteça chamados de vereadores ao cargo de Vice-prefeito.

Política é como futebol, sempre é uma caixinha de surpresas.

Comunicar erro
SUPREME

Comentários

ANUNCIA